domingo, 12 de janeiro de 2020

Primeiro aporte internacional.

Olá, caro investidor

Conforme relatei em post anterior, em dezembro/2019 abri conta em uma corretora americana para poder investir na terra do Tio Sam e assim diversificar mais a carteira, tanto em ativos que só estão presentes nas bolsas americanas quanto diversificar em moeda (Real e Dólar).

Então, ano novo... investimento novo. Para tanto, realizei uma transferência internacional da minha conta corrente aqui no Brasil para minha conta na corretora TD Ameritrade lá nos EUA. Todo o trâmite foi feito pelo site do Remessa Online e, sinceramente, achei o site bem fácil e interativo de usar, pois já existe uma lista pré-cadastrada do motivo da transferência internacional, bem como das principais corretoras americanas.

Após login realizado, será necessário criar um "envio de dinheiro". Primeiramente, será perguntado para quem você quer enviar a remessa. Neste caso, será selecionada a opção "Para outra pessoa ou empresa", pois quem receberá a transferência será a corretora americana. A segunda pergunta será o motivo do envio e, dentre as opções já cadastradas, deverá ser selecionado "Transferência para uma corretora de investimentos". Por último, é só conferir as informações para dar prosseguimento.


Em seguida abrirá uma lista para escolher a corretora ou adicionar uma nova. Como minha corretora já se encontra na lista basta selecioná-la. Agora, informe seu código identificador na corretora (este código é o número da sua conta de investimentos na corretora).


Na TD Ameritrade, o código encontra-se no menu My account -> Deposits & Transfers -> Deposit-> Transfer by wire e é composto de nove dígitos.

Para finalizar, crie um nome para o envio que ficará salvo em "Histórias". Assim, nas próximas transferências não será mais necessário realizar este cadastro, facilitando futuras remessas. Após aceitar os termos e condições da transferência, informe o valor a ser enviado e confirme a remessa.
Se este tutorial estiver sendo útil, utilize o cupom de desconto KN000, deste modo eu e você seremos beneficiados com descontos no custo de envio 😃.

Finalmente, realize uma TED de uma conta corrente de sua titularidade para o banco parceiro do Remessa Online. Feita a TED não se esqueça de enviar o comprovante no site do Remessa Online para confirmar a operação. Pronto, agora é só aguardar a remessa internacional ser processada.

No meu caso fiz a TED de manhã e no período da tarde já estava disponível na minha conta na corretora TD Ameritrade. 

Minha primeira compra internacional
Realizei minha primeira remessa no dia 07/01 no valor de R$ 1.500,00 e recebi um total de US$ 360,56. No mesmo dia comprei 3 cotas do ETF VNQ no valor total de US$ 273,99, restando um saldo de US$ 86,57 na conta da corretora.

Minha ideia inicial é começar a investir de forma passiva por meio de ETF's na bolsa americana até eu decidir qual ação comprar. Diferentemente do Brasil, os ETF's são isentos de imposto de renda para alienação de até R$ 35.000,00/mês. Outra diferença é que os dividendos entram diretamente na sua conta de investimentos e não ficam retidos no fundo. Entretanto, nos EUA os dividendos são tributados em 30% e, por enquanto, no Brasil ainda são isentos. 

Como minha carteira de renda variável aqui no Brasil está com maior concentração no setor financeiro e serviços de utilidade pública (energia e saneamento), decidi a priori, realizar aportes em ativos que ainda não estão presentes na carteira, como os Fundos Imobiliários. Assim, escolhi investir em REIT que é um tipo de ativo semelhante aos fundos imobiliários.

Logo, escolhi o fundo VNQ que procura proporcionar um alto nível de renda e tem como objetivo acompanhar de perto o retorno do MSCI US Investable Market Real Estate 25/50 Index (um índice composto por ações de grandes, médias e pequenas empresas norte-americanas de REITs). Atualmente, possui 185 ações e tem quase US$ 70 bilhões dentro do fundo, sendo que as dez maiores posições representam 41% dos investimentos. O fundo tem um retorno médio anual de 9,04% a.a desde sua criação em setembro/2004 e um Distribution Yield de 3,43%. Já a taxa de administração é de 0,12% a.a. Abaixo segue as principais posições do fundo.

Bem pessoal, por hoje é isso. Dei o primeiro passo para começar a investir no exterior. Sei que tenho muito a aprender ainda, pois o mercado americano é gigante se comparado ao brasileiro.

domingo, 5 de janeiro de 2020

Taxação de proventos pela B3 e mais novidades

Olá, caro investidor

Você ainda está aí comemorando a subida da renda variável em 2019 e anda meio desligado do mercado financeiro, esperando o Carnaval chegar para de fato começar o ano no Brasil?

Pois bem, já está na hora de acordar pois o ano mal começou e já temos novidades na B3. Enquanto o atual governo não define se irá taxar ou não os dividendos, a B3 já deu a largada e anunciou nesta semana uma nova tarifa chamada de "Tarifa sobre o Processamento de Proventos Financeiros" de 0,12% sobre o valor em custódia, limitado ao valor máximo R$ 5.000, entre outras novidades conforme discriminado abaixo.

Segundo a B3, a nova política de tarifação visa estimular o aumento dos volumes negociados por meio de descontos mais profundos para clientes que ampliarem seus volumes, bem como estimular o crescimento da base de investidores pessoas físicas com a remoção de tarifas fixas e isenção para pequenos investidores.

1) O que mudou na tarifação dos produtos do mercado a vista de Renda Variável?
- Tarifa de Manutenção de Contas de Custódia será zerada para todos os tipos de conta de custódia, com ou sem saldo e movimentação.
Como era: R$ 111,36/ano
Obs: vale lembrar que a maior parte das corretoras já não cobrava esta tarifa de seus clientes, ou seja, o custo da manutenção de contas havia sido absorvido pelas corretoras.
Como fica: não haverá cobrança

- Tarifa sobre o valor de custódia será cobrada sobre o valor dos ativos mantidos na Central Depositária
Como era: isento para aplicações de até R$ 300.000
Como fica: isento para aplicações de até R$ 20.000

- Tarifa de negociação não day-trade
Como era: 0,0325 % sobre valor negociado
Como fica: 0,03% sobre o volume negociado

- Tarifa sobre o Processamento de Proventos Financeiros será calculada como um percentual fixo aplicado sobre o valor a ser repassado pela B3 de cada evento corporativo em dinheiro, por conta de custódia.
Como era: não havia cobrança
Como fica: isento para aplicações de até R$ 20.000; Maior ou igual R$ 20.000,01 cobrança de 0,12% sobre valor de cada evento, limitado ao valor máximo de R$ 5.000

- Tarifa de Retirada de ativos da Depositária será de 0,67% sobre o valor movimentado.
Como era: não havia cobrança
Como fica: 0,67% sobre o valor movimentado
Obs: nos documentos divulgados pela B3 não há muito detalhamento sobre esta tarifa, mas acredito que a mesma será cobrada apenas quando for solicitado a troca de depositária. A B3 já está pensando num futuro onde poderá haver uma nova bolsa de valores/depositária no Brasil e a cobrança desta taxa poderá inibir o investidor de realizar a mudança de depositária.

2) Quando começa a valer a nova política de tarifação?
A definição da data de implantação das mudanças tarifárias dependerá de consultas ao mercado que capturarão os prazos necessários para que corretoras e outros participantes atualizem seus sistemas. No que diz respeito aos sistemas da B3, as adaptações necessárias devem estar concluídas até o mês de agosto/20.

3) Meu bolso será afetado? Se sim, como e quanto?
Caso queira fazer uma simulação das novas taxas a serem pagas à B3, criei uma planilha simples para comparar o "Como era" e o "Como fica". Fique a vontade para realizar qualquer mudança que traga alguma melhoria.
Obs: a planilha considera apenas investimentos em renda variável no mercado a vista, horário normal de negociação, operação não day-trade.

Para baixar a planilha, clique AQUI.

Conclusão
Com a nova política de tarifação irei pagar mais taxas para B3, pelos seguintes motivos:
a) Minha corretora não cobra taxa de manutenção de conta, logo essa isenção não fará nenhuma diferença;
b) A tarifa sobre o valor de custódia que era isenta para investimentos de até R$ 300 mil no mercado a vista de Renda Variável passou a ser isenta apenas para investimentos de até R$ 20 mil;
c) O valor da redução na tarifa de negociação é irrisório frente ao aumento na tarifa de custódia e criação da tarifa sobre Proventos Financeiros.

Caso você tenha investimentos no mercado a vista de Renda Variável acima de R$ 20.000 prepare o bolso para pagar mais tarifas. Pois para B3, pessoa física que tem acima deste valor, não é pequeno investidor. Particularmente, estou torcendo para que entre uma nova bolsa de valores no Brasil e comece a competir com a B3, que possui margem líquida surreal (acima de 40%) e ainda por cima não se dá por satisfeita. Assim, quem sofre com este monopólio somos nós, pessoas físicas que ousaram em sair da poupança e do CDB.

Fonte: b3.com.br/pt_br/menu-hierarquico/tarifas-b3.htm

That's all folks!! 

Fechamento junho/2020 - mês de boa!